Gutemberg Cruz entrevista Wilton Bernardo

fui entrevistado pelo querido Gutemberg Cruz, um jornalista que admiro muito pois há muito tempo já faz parte de minha história. Sabe por quê? Quando eu era adolescente, o segundo Curso de Quadrinhos que participei na vida, foi ministrado por ele! E foi justamente como atividade final deste curso de História dos Quadrinhos na Fundação Casa de Jorge Amado, que criei um dos meus pesonagens “Dona Dedé” que hoje tem uma página com POST curtido e complartilhado por mais de 1.000 pessoas! Na entrevista falamos sobre esta personagem, sobre minhas inspirações para criar, sobre os personagens que sou co-autor com o Carlinhos Brown (Paxuá e Paramim) e cuja primeira publicação foi ilustrada por mim em 2012, entre muitos outros assuntos.

Parte da entrevista:

Gutemberg Cruz- Qual a informação que alimenta o seu trabalho?

Wilton Bernardo – O que alimenta o meu trabalho, definitivamente é a pesquisa. É como trilhar um caminho que não se sabe onde vai dar, mas é o norte, pra acertar, ou no mínimo, fazer algo dentro do que foi proposto, do que foi desejado.

GC – O que você mais gosta de fazer hoje?

WB – Criar. O meu grande tesão sempre foi e acredito que será sempre criar. Seja o que for, dentro das artes gráficas, do design. Criar soluções, inventar. Sempre tem uma ou outra pessoa que fala “Nada se cria, tudo se copia”, e essa frase, definitivamente não me representa.. rsrsrs

Eu percebi isso em mim, sabe quando? Quando eu desejei trabalhar na empresa de Maurício de Souza. Teve uma época em que eu cheguei a fazer algumas etapas de avaliação. Bom, para apresentar Dona Dedé, tive o maior entusiasmo, responder as perguntas que era uma outra etapa, foi tudo bem, mas na hora de desenhar os personagens do Maurício…. eu simplesmente não fazia… e eu admiro muito toda a história daquele homem. Admiro demais! Mas a questão começou a ficar claro pra mim: o meu tesão era criar, não copiar, não representar criações de outros. Claro que eu respeito todos que fazem, graças a Deus, existem diversas funções dentro dessa indústria, e cada pessoas tem um prazer, seja roteirizar, desenhar, arte finalizar, colorir, enfim. O importante é fazermos aquilo que realmente nos deixa feliz.

GC: Em 2012 você criou os personagens Paxuá e Paramirim. Conte sobre eles

WB – O livro Paxuá e Paramim, foi publicado em 2012 com 2 índios crianças que se preocupam com o meio ambiente, preservação da natureza . O texto é do Carlinhos Brown cuja produção me convidou para ilustrar a história infantil. Mas quando fui me reunir com a produtora, ainda não existiam os personagens, havia apenas os nomes Paxuá e Paramim. Então eu desenvolvi a estética, a imagem dos personagens. Não tinha como ilustrar sem criar primeiro os personagens. Então, depois dos personagens criados, ilustrei o livro infantil que foi distribuído durante uma exposição de artes plásticas que o cantor fez na Caixa Cultural de Brasília.

Quer ler a entrevista completa? Acessa veja na íntegra, publicada no Blog do Gutemberg Cruz acessando o link “ENTREVISTA com Wilton Bernardo”.

:: Wilton Bernardo é o criador da marca Laço Afro (@lacoafro) e da Ação Cultural Oficina HQ que além de dar nome a este Blog, assina outros produtos culturais e educativos, realizados desde setembro/2003; entre as ações estão as Oficinas de Quadrinhos, Oficinas de Desenho e Exposições coletivas de artes gráficas diversas

Anúncios

Projetos Sociais do Terreiro de Candomblé Ilê Axé Inginoquê Omorossí

O primeiro curso profissionalizante já capacitou 09 alunos que foram encaminhados ao mercado de emprego no Terreiro Ilê Axé Inginoquê Omorossí

Projetos Socioculturais 2018
Ilê Axé Inginoquê Omorossí

Cursos Profissionalizantes, Atendimento Pediátrico, Distribuição de Cestas Básicas, Cine Ilê, Yoga, fazem parte dos projetos sociais anunciados pelo Terreiro de Candomblé Ilê Axé Inginoquê Omorossí – localizado na 3ª Etapa de Castelo Branco – ainda para o ano de 2018.
As inscrições já estão abertas!

CURSOS
Curso de Auxiliar de Arquivo, Noções Básicas de Restauração de Documentos, Empreendedorismos, Aulões para o Enem, são alguns dos projetos que já estão sendo disponibilizados para a comunidade de Castelo Branco pelo Terreiro Ilê Axé Inginoquê Omorossí.
O primeiro curso profissionalizante já capacitou 09 alunos entre 4 e 7 de junho, e os alunos foram devidamente encaminhados ao mercado de emprego. As inscrições para a segunda turma já estão abertas.

PRIMEIRA JORNADA EMPREENDEDORA
Entre o vasto leque de atividades que o Terreiro já começou a oferecer, encontra-se com inscrições abertas para a Primeira Jornada Empreendedora do Ilê que tem o objetivo de tornar os empreendedores mais bem preparados para terem uma Jornada de Sucesso nos seus negócios. A Primeira jornada Empreendedora será composta por 5 módulos: Módulo I – O que é Empreendedorismo; Módulo II – Financeiramente; Módulo III – Quem sou eu (empreendedor); Módulo IV – O passo a passo do seu projeto e o Módulo V – Colocando seu projeto em prática. As aulas serão presenciais e acontecerão nos finais de semana a partir de 17 de junho!

ATENDIMENTO PEDIÁTRICO, ENTRE OUTRAS AÇÕES
Além dos cursos já iniciados no Terreiro, o desejo e planejamento é para que seja disponibilizado, também para a comunidade carente do entorno, atendimento pediátrico, quinzenalmente, aos sábados. Além da prestação do serviço para as crianças da comunidade que depende, entre outras coisas, de licenças legais para ser iniciado, ações voltadas para a mulher no mês de outubro e muitas outras atividades profissionais e educativas estão sendo articuladas.

COLABORE: CURSOS, ATENDIMENTOS E AÇÕES
Podem participar, os moradores da comunidade de Castelo Branco e dos diversos bairros de Salvador.
Para fortalecer e tornar todas as ações que beneficiarão a comunidade, uma realidade, O Ilê Axé Inginoquê Omorossí disponibilizou através da plataforma Kickante uma Campanha de Sustentabilidade onde podem ser realizadas contribuições a partir de R$10. Basta acessar o link:
https://www.kickante.com.br/campanhas/sustentabilidade-no-ile.

O Ilê Axé Inginoquê Omorossí é um terreiro de Candomblé da nação Keto que foi fundado em 1992 pelo Babalorixá Edvaldo Sampaio Jones, líder espiritual do terreiro que tem a regência de Obaluaê.

Serviço:
• Local: Entidade Beneficente e Religiosa Ilê Axé Inginoquê – Rua 35, Casa 07, Terceira Etapa de Castelo Branco – Salvador/Bahia
• Informações e inscrições: (71) 99282-2527(Tim – Whatsapp Aline Carvalho), email: inginoqueomorossi@gmail.com
• Colabore: https://www.kickante.com.br/campanhas/sustentabilidade-no-ile.

Fome de Poder X Fome de Justiça?

Com qual título vocês se identificam mais?
Os que me conhecem além do facebook não terão dúvida sobre meu posicionamento. Há grande possibilidade desse título estampar um livro e uma exposição que organizo carinhosamente sobre os trabalhos mais relevantes e de importância para mim, os quais desenvolvi desde que me graduei na Universidade Federal da Bahia. Costurando as obras, virão histórias sobre a feitura e utilização de cada trabalho, sua devida autorização para tal ou não e as consequências disso. Espero contar tudo, tudo tudo. E apesar de algumas histórias ainda não terem sido concluídas, eu já um belo enredo de filme, documentário ou noveja.
Infelizmente nessa trajetória há entre outras coisas, várias situações de desrespeito ao meu direito autoral. E eu, justamente eu, que durante as aulas de histórias em quadrinhos que ministro, sempre chamo muita atenção ao alunos sobre o cuidado que deve ter com suas autorias.
Mas a justiça será feita, em várias estâncias. Porque atuando na área de arte e comunicação, essas estâncias também terão uma resposta, não apenas a judicial.
#eunãotenhomedodebrigarpelosmeusdireitos #quemnãomeajudatambémnãovaimeatrapalhar #justiça #wilton_bernardo
:: Wilton Bernardo

Artistavisual e designer graduado pela Universidade Federal da Bahia; Idealizador da marca Laço Afro (@lacoafro) e da Oficina HQ (https://www.facebook.com/A%C3%A7%C3%A3o-Cultural-Oficina-HQ-186958778077722/)
*Imagem ilustrativa, repostada do “Blog da Biblioteca da Faculdade Municipal de Palhoça publicada em 13/maio/2016 – Bliblioteca FMP

Camiseta “Arco e Flecha”


Olha o que acabou de chegar na minha loja virtual LACOAFRO.COM – camiseta “Arco e Flecha (Ofá de Oxóssi)! É a segunda edição da camiseta ‘Ofá de Oxóssi’, após muitos pedidos! Espero que gostem!
Sou artista visual, designer gráfico e artesão. Desde dezembro de 2007 criei a marca Laço Afro e tenho desenvolvido uma série de ilustrações e produtos a partir dessas ilustrações, como camisetas, canecas, chaveiros, estatuetas, colares e azulejos. Todas as peças inspiradas na cultura afro ou abordam temas como respeito e tolerância.
Quem desejar conhecer mais do meu trabalho, pode acessar a loja virtual: http://www.lacoafro.com ou meu Portfolio: http://www.wiltonbernardo.com.

:: Wilton Bernardo é o criador da marca Laço Afro e também da Ação Cultural Oficina HQ que além de dar nome a este Blog, assina outros produtos culturais e educativos como Oficinas de Quadrinhos, Oficinas de Desenho e Exposições coletivas de artes gráficas.