Desenho e originalidade


Quando você estiver desenhando, não tente encontrar em seu traço, em seu jeito de desenhar, semelhança com traços de outros desenhistas. Durante as Oficinas de Quadrinhos em que tenho realizado, vejo muitos alunos reclamarem de seus traços, como se buscassem uma validação, uma aprovação. Isso pode ser uma grande armadilha.

Claro que pode acontecer a percepção de uma influência, alguma semelhança, mas se isso acontece, o ideal é que não seja um resultado forçado. E se não há semelhança entre sua arte e a arte de Alex Ross, Frank Miller ou Flávio Luiz, não se desaponte, pois o que qualquer artista do traço quer é descobrir sua própria expressão, seu jeito, ou seja, seu estilo. Aceite a tão procurada, desejada originalidade.

Se este é seu traço, exercite ele! desenvolva ele! O único pecado que você não pode cometer é negá-lo!

:: Wilton Bernardo (@wilton_bernardo) é artista visual e Designer gráfico, criador da Ação Cultural Oficina HQ (@oficinahq) e criador da Marca Laço Afro (@lacoafro)
http://www.wiltonbernardo.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s