Thriller – a vida e a música de Michael Jackson na Grioti livros digitais

O álbum Thriller, quebrou várias fronteiras relacionadas a gênero e sua categorização no que diz respeito ao que toca ou não em cada rádio. Influenciou a moda, a TV, a dança e cristalizou um ícone POP.

A capa do antológico recorde de venda mundial. Mas como se não bastasse vender tanto. Era a transformação de um cantor num mito e no “Rei do Pop”.

Durante a divulgação de Thriller na noite de 16 de maio de 1983, 3 mil celebridades norte-americanas lotaram um teatro em Los Angeles para assistir a uma apresentação comemorativa dos 25 anos da gravadora, chamada Motown 25. De suas casas, 50 Milhões de norte-americanos acompanharam pela TV a apresentação dos vários artistas negros, até a entrada dos Irmãos Jacksons, que vão embora e deixam Michael Jackson sozinho no palco.

Ele começou a cantar “Billie Jean”, sucesso do álbum que havia lançado seis meses antes. De repente, Michael parou de cantar, andou até o canto esquerdo do palco e voltou deslizando de costas. Naquela noite, mais do que imortalizar o passo de dança criado e batizado décadas antes pelo dançarino Bill Bailey como “Moonwalk” (algo como “passo da lua”), Michael Jackson consagrou-se como o Rei do Pop. “Foi aquele momento que cristalizou o status de celebridade de Michael Jackson”, disse a revista americana Rolling Stone. “Moonwalk, no mundo do entretenimento, só é comparável ao andar de vagabundo de Chaplin, à sequência de Gene Kelly em Dançando na Chuva e aos passos de Fred Astaire no filme Núpcias Reais”.

O livro digital Thriller - a vida e a música de Michael Jackson

Ainda sob o impacto da morte do astro, Nelson George escreveu Thriller: A vida e a música de Michael Jackson, uma análise do álbum mais vendido da história e também um perfil da vida e da obra do cantor. O autor parte das nove canções históricas desse clássico de 1982 e usa quatro décadas de memória musical, trabalho jornalístico e acompanhamento do mundo do show bizz para analisar por que Michael Jackson alcançou momentos de maestria artística como nenhum outro astro depois dele. Um livro que mistura rigor crítico e respeito por um dos maiores e mais enigmáticos fenômenos da cultura pop.

Para comprar ou saber mais sobre o livro, clique  AQUI
A Grioti livros digitais tem vários títulos de diversas editoras, além de livros promocionais gratuitos, uma ótima forma para os iniciantes experimentarem a facilidade e praticidade de ler o conteúdo digita. Experimente: www.grioti.com.br

Wilton Bernardo
:: Oficina HQ
www.oficinahq.com

Livro, quadrinhos e revistas digitais!

Página da Grioti livros digitais

Dupla baiana aposta na inovação e praticidade das livrarias digitais

As livrarias são especializadas no comércio do ebooks, formato de publicação específico para a leitura em tablets, computadores e dispositivos móveis.
Foto: Diego Mascarenhas
Redação CORREIO

Fábio e Wilton criaram a Grioti em 2009

Os livros digitais foram a grande aposta para os criadores de tablets – dispositivo eletrônico de tela touchscreen em formato de prancheta – como o Kindle e o iPad. A ideia de ler um livro ou uma revista em formato digital, que ocupa menos espaço e é mais prático que os convencionais e impressos, foi uma das grandes razões para que os tablets ganhassem o mercado.

Foi pensando nesse novo mercado que os baianos Wilton Bernardo e Fábio Mascarenhas decidiram investir no ramo como uma alternativa de negócio inovador e rentável. Assim, em 2009, nasceu a Grioti Livros Digitais, a terceira livraria digital do país.

As livrarias digitais, como a Grioti, são especializadas no comércio do ebooks, formato de publicação específico para a leitura em tablets, computadores e dispositivos móveis que possuam compatibilidade com o formato, como os smartphones.
“Os arquivos são compatíveis para qualquer aparelho digital que permita a leitura de formatos como PDF e os ePUBs”, explica Fábio. Para os iniciantes no assunto, a Grioti ensina passo a passo como realizar a compra e fazer o download do livro digital.
Além da praticidade, o preço dos livros digitais também tem conquistado os leitores. Na Grioti, por exemplo, há títulos infantis disponíveis para download gratuito, e também outros de temas mais específicos e títulos para ser utilizados em pesquisas acadêmicas como o livro a “Ideologia da estética”, por R$ 45.

Segundo os sócios, a grande demanda por edições digitais está na região sul do país, enquanto o mercado baiano ainda participa de forma discreta deste tipo de comércio. “Os títulos mais procurados são os livros de assuntos bastante específicos. Um que vendeu bastante foi “A Carne de Rã: processamento e industrialização”’, brinca Wilton.

Além da Grioti, o mercado brasileiro conta com diversas livrarias e bibliotecas , onde o download é gratuito, exclusivas para ebooks como a Gato Sabido e a eBookcult.  Outras mais conhecidas pela venda de livros impressos estão disponibilizando em seu acervo a opção da compra digital como a livraria Cultura e a Saraiva.

Fonte: Jornal CORREIO (Salvador-BA)

Livro Digital Contos do Folclore Brasileiro recebe material até 31 de julho!

Imagem ilustrativa msotrando uma ilustração pelo iPhone, um dos suportes eletrônicos em que poderá ler o livro digital "Contos do Folclore Brasileiro"

Para quem se delicia em escrever contos ou tem talento para ilustrar, ainda dá tempo de participar da 1ª. edição do livro de contos do Folclore Brasileiro realizado pela Oficina HQ em parceria com a livraria digital Grioti.
Ainda não recebemos nenhum conto do Lobisomem nem do Saci!
Gostaríamos muito de ter esses dois personagens super populares.

Sugiro que antes de participar, dê uma olhada na livraria digital. Tem alguma dúvida? O livro digital será lido apenas por equipamentos eletrônicos que lêem arquivos ePub e PDF como: iPhone, iPpad, PC, notebook, celulares com androide, galaxytab, etc. No site da ligraria, tem um banner na parte superior na cor azul, explicando como fazer pra baixar e ler um livro. Experimente. Comece baixando o livro promocinal “Oficina HQ com 1 artigo e entrevistas de 3 cartunistas: Flávio Luiz, Luis Augusto e Wilton Bernardo. 

Agora veja abaixo como participar do livro que será lançado em Agosto:

Livro digital ilustrado Volume 1
A Oficina HQ recebe contos baseados em lendas do folclore brasileiro (Boitatá, Boto, Curupira, Lobisomem, Mãe-D’água, Corpo-seco, Pisadeira, Mula-sem-cabeça, Mãe-de-ouro, Saci-Pererê etc). Cada conto deve ter entre 5 e 8 ilustrações. O autor do conto pode ou não ser o ilustrador do conto. Se preferir, pode convidar algum ilustrador assim como a iniciativa também pode partir do ilustrador, convidando um escritor. Uma vez que a dupla esteja formada, cabe a eles escolher o personagem, e produzirem a história (texto e ilustrações).

A Ação cultural selecionará os contos que integrarão a 1a. edição do livro digital onde os critérios são simples: qualidade e domínio técnico, levando em conta que o público alvo é adolescentes e adultos.

Inscrição e envio de textos e ilustrações
As imagens devem ser enviadas em JPG (com 300 dpi) até 30 de julho. Os contos devem ser enviados no corpo do E-mail: quadrinhos_ssa@hotmail.com com assunto: “livro digital – Folclore”.

Imagem ilustrativa da Oficina HQ no iPad, assim como o livro digital pderá ser lido.

Informar no corpo do E-mail:
a) Nome completo
b) Nome artístico (se tiver)
c) Endereço completo (inclusive CEP)
d) Atividade profissional atual
e) Profissão
f) Breve texto de apresentação (aproximadamente 5 linhas. Se tive site, blog, favor informar)
e) Se o inscrito for menor de idade e seu trabalho (texto e/ou ilustração) selecionado(s), o responsável deverá entregar uma declaração autorizando o menor a participar da produção. Caso a declaração não seja entregue antes do momento em que o livro comece a ser produzido pela Grioti, o menor será desclassificado automaticamente, pois pagamentos referentes a vendas, no caso de autor com menos de 18 anos, deverá ser efetuado na presença do responsável.

A seleção e divulgação dos textos e ilustrações escolhidas será divulgada até final de julho por E-mail, blog e site da Oficina HQ.

Lançamento do livro
15 de agosto será lançado o livro digital ilustrado através de site/ Blog da Oficina HQ, redes sociais, e mídia.

Custos de produção
A assessoria, divulgação e produção do livro digital fica sob responsabilidade da Oficina HQ, onde os autores não terão despesa alguma no processo de disponibilização das vendas, confecção ou promoção do produto. 

Imagem ilustrativa

Comercialização do livro digital 
O número de contos da primeira edição do livro ainda não está definido, porém, estima-se algo em torno de 5 contos, mas a Oficina HQ prefere não fechar um número e ter a liberdade de colocar mais ou menos de acordo com a quantidade de material recebido, adequado ao tema e qualidade desejada.

O Livro terá um valor de capa do qual será retirado percentual para:
a) Ação Cultural Oficina HQ 20%
b) Autores (escritores e ilustradores) 35%
c) Grioti livros digitais 45%

Produção do livro 
A Grioti produzirá o livro digital, o qual será disponibilizado para vendas na própria livraria. O livro poderá ser lido por dispositivos eletrônicos como iPad, iPod Touch, iPhone, eReader, celulares e/ou tablets com android e computadores com sistema operacional Windows e Mac OS X.

Direito autoral
O direito autoral será respeitado, tanto pela Oficina HQ quanto pela Grioti, onde fica claro que apesar de responsável pela comercialização do produto cultura em que se transformará a coletânea de textos e ilustrações, cada ilustração continua sendo do ilustrador que a fez, bem como cada conto continua sendo do escritor, porém, a comercialização dos direitos de uso fica sob responsabilidade exclusiva da Oficina HQ.

Dúvidas
Se tiver qualquer dúvida, por favor faça contato. Escreva para quadrinhos_ssa@hotmail.com e retornarei assim que possível.

Conheça a livraria digital que está fazendo a parceria com a Oficia HQ:
www.grioti.com.br
www.grioti.com.br/blog
(71) 4062-8021

+ Ação Cultural Oficina HQ +
WWW.oficinahq.com
https://oficinahq.wordpress.com
(71) 8807-4331

Livro digital sobre “a primeira vez”

Ilustração de Wilton Bernardo

A primeira vez agente nunca esquece…. é o que dizem. Pode até existir alguns que não recordem bem, mas basta colocar a memória para trabalhar um pouco e qualquer um lembrará das inquietações e questionamentos que antecedem a tão misteriosa e esperada primeira vez. Algumas não tão graves como a possível insegurança do rapaz quanto a seu desempenho sexual ou tamanho do pênis. Há também as dúvidas sobre uma possível posição ideal.
Qual a melhor forma de evitar a gravidez  para as garotas? E as preocupações com doenças sexualmente transmissíveis? Pílula do dia seguinte é o ideal? Em que situação usá-la? São tantas dúvidas! Pior que muitos adolescentes dificilmente têm coragem de falar abertamente com seus pais sobre o assunto.
Sim. É compreensível. Para os pais inconformados com a falta de papo sobre esse assunto com seus filhos, uma dica: lembre que um dia, também foi adolescente. E provavelmente o papo acerca de assuntos como esse, eram debatidos com os melhores amigos, muitos, também com dúvidas…. dificilmente com os pais.
Esperar que a iniciativa de um diálogo sobre sexo, cuidados e responsabilidade parta dos filhos é um erro, na minha opinião. A experiência pode evitar problemas, com um pouco de leveza e amizade. Sim. Os pais não devem jamais deixar de ser amigos de seus filhos.  
Lembro que na adolescência, antes da primeira vez , eu fuçava um monte de leitura sobre sexo. Certa vez descobri uma enciclopédia em casa. Falava de vários outros assuntos relacionados a sexo, mas nada que suprisse as inquietações de um iniciante, de fato.   

Livro do Dr. Jairo Bouer

Além de um bom papo, boas leituras pode realmente ajudar a desmitificar um momento que para uns é maios ou menos importantes do que para outros. Independente de ser ou não tão importante, o fato é que, a tranqüilidade e informação ajudam e muito. Por isso deixo aqui a sugestão de um livro digital –  PRIMEIA VEZ,  do Dr. Jairo Bouer. 
 O livro pode ser encontrado na Grioti Livros clicando AQUI.

Fonte: Blog da Grioti

Oficina HQ recebe contos e ilustrações para livro digital. Partcipe!

ipad com marca da Oficina HQ (imagem puramente ilustrativa)

Oficina HQ & Grioti apresentam

Livro Digital ilustrado: Lendas do Folclore Brasileiro
A Ação Cultural Oficina HQ, em parceria com a Grioti Livros Digitais, lançará um livro digital ilustrado com lendas do Folclore brasileiro. 

Livro digital ilustrado Volume 1
A Oficina HQ recebe contos baseados em lendas do folclore brasileiro (Boitatá, Boto, Curupira, Lobisomem, Mãe-D’água, Corpo-seco, Pisadeira, Mula-sem-cabeça, Mãe-de-ouro, Saci-Pererê etc). Cada conto deve ter entre 5 e 8 ilustrações. O autor do conto pode ou não ser o ilustrador do conto. Se preferir, pode convidar algum ilustrador assim como a iniciativa também pode partir do ilustrador, convidando um escritor. Uma vez que a dupla esteja formada, cabe a eles escolher o personagem, e produzirem a história (texto e ilustrações).

A Ação cultural selecionará os contos que integrarão a 1a. edição do livro digital onde os critérios são simples: qualidade e domínio técnico, levando em conta que o público alvo é adolescentes e adultos.

Lobisomem no iPhone (imagem ilustrativa)

Inscrição e envio de textos e ilustrações
As imagens devem ser enviadas em JPG (com 300 dpi) até 30 de junho. Os contos devem ser enviados no corpo do E-mail: quadrinhos_ssa@hotmail.com com assunto: “livro digital – Folclore”.

Infirmar no corpo do E-mail:
a) Nome completo
b) Nome artístico (se tiver)
c) Endereço completo (inclusive CEP)
d) Atividade profissional atual
e) Profissão e ocupação profissional atual
f) Breve texto de apresentação (aproximadamente 5 linhas. Se tive site, blog, favor informar)
e) Se o inscrito for menor de idade e seu trabalho (texto e/ou ilustração) selecionado(s), o responsável deverá entregar uma declaração autorizando o menor a participar da produção. Caso a declaração não seja entregue antes do momento em que o livro comece a ser produzido pela Grioti, o menor será desclassificado automaticamente.

A seleção e divulgação dos textos e ilustrações escolhidas será divulgada até final de julho por E-mail, blog e site da Oficina HQ.

Lançamento do livro
Início de agosto será lançado o livro digital ilustrado através de site/ Blog da Oficina HQ, redes sociais, e mídia.

Custos de produção
A assessoria, divulgação e produção do livro digital fica sob responsabilidade da Oficina HQ, onde os autores não terão despesa alguma no processo de disponibilização das vendas, confecção ou promoção do produto. 

Comercialização do livro digital
O número de contos da primeira edição do livro ainda não está definido, porém, estima-se algo em torno de 5 contos, mas a Oficina HQ prefere não fechar um número e ter a liberdade de colocar mais ou menos de acordo com a quantidade de material recebido, adequado ao tema e qualidade desejada.


O Livro terá um valor de capa do qual será retirado percentual para:

a) Ação Cultural Oficina HQ 20%
b) Autores (escritores e ilustradores) 35%
c) Grioti livros digitais 45%

Produção do livro
A Grioti produzirá o livro digital, o qual será disponibilizado para vendas na própria livraria. O livro poderá ser lido por dispositivos eletrônicos como iPad, iPod Touch, iPhone, eReader, celulares e/ou tablets com android e computadores com sistema operacional Windows e Mac OS X.

Direito autoral
O direito autoral será respeitado, tanto pela Oficina HQ quanto pela Grioti, onde fica claro que apesar de responsável pela comercialização do produto cultura em que se transformará a coletânea de textos e ilustrações, cada ilustração continua sendo do ilustrador que a fez, bem como cada conto continua sendo do escritor, porém, a comercialização dos direitos de uso fica sob responsabilidade exclusiva da Oficina HQ.

Dúvidas
Escreva para quadrinhos_ssa@hotmail.com
Conheça a livraria digital que está fazendo a parceria com a Oficia HQ:
www.grioti.com.br
www.grioti.com.br/blog
(71) 4062-8021

+ Ação Cultural Oficina HQ +

WWW.oficinahq.com
https://oficinahq.wordpress.com
(71) 8807-4331

A 1a. Presidenta em livro digital, já na Grioti

Você precisa conhecer melhor a história dessa mulher
Ela queria ser bailarina e virou guerrilheira.
Ela queria a democracia. Foi presa e torturada.
Ela queria ser eficiente e se tornou um ícone.

Não bastava ser uma mulher, ela queria ser a mulher.
E se tornou a primeira presidenta.
A história virou livro digital, e você pode adquirir por R$ 9,90 clicando AQUI.

Confira um pouco do relato de DIlma sobre a época em que militava, na Ditadura Militar:

Fonte: www.grioti.com.br/blog

Os cartunistas Flávio Luiz (Áu, O Cabra), Luis Augusto (Fala Menino) e Wilton Bernardo (Oficina HQ) em livro digital grátis!


A Ação Cultural Oficina HQ em parceria com a GRIOTI (livraria exclusivamente digital) criou um livro digital para comemorar o dia nacional dos quadrinhos em 30 de janeiro deste ano. O livro estava disoponível no blog da livraria, ma a partir de hoje, qualquer um pode acessar a livraria e encontrá-lo nas prateleitas virtuais. A diferença é que o livro que reúne além de um artigo de Wilton Bernardo, entrevistas do Flávio Luiz (criador do “Aú, o capoeirista” e “O Cabra”), Luis Agusto (criadir do “Fala Menino”).

Arte de FLávio Luiz, criador dos sucessos "Áu, o capoeirista", "O Cabra", "Rota 66", entre muitos outros trabalhos excelentes.

O livro digita promocional “Artigo e Revistas da Oficina HQ” pode ser lido por diversos suportes (iPad, iPod, iPhone, notebook, eBook Reader e PC), bem como todo o acervo da livraria.

Luis Augusto, criador do Fala Menino, mestre na sesibilidade dos temas infantís, com diversas publicações no mercado.

Essa parceria promete e já se conversa possibilidades de lançamentos para serem comercializados ainda em 2001. Já existe um projeto que logo se tornará público e diversos artistas e roteiristas poderão se inscrever.

A comercialização de livros digitais pela GRIOTI já é uma realidade. A livraria já possui conteúdo em diversas categorias, e com certeza a parceria com a Oficina HQ vai gerar muitos trabalhos gráficos!

Oficina de Quadrinhos no Engenho Velho da Federação, um dos bairros populares da cidade de Salvador que em 2010, através do projeto Oficina HQ Itinerante apoiado pelo Fundo de Cultura da Bahia, recebeu gratuitamente equipe da Oficina HQ (Talyta Almeida, produtora; Lucas Pimenta, oficineiro; Wilton Bernardo, coordenador)

Se você é cartunista ou roteirista, prepare logo algo pra mostrar, pois oportunidades surgirão ainda neste primeiro semestre!

Baixar o livro gratuíto

:: Oficina HQ
www.oficinahq.com

iPad 2 chega a lojas no exterior depois de esgotar nos EUA

Centenas de compradores formaram longas filas diante de lojas da Apple nesta sexta-feira para o lançamento internacional do iPad 2, que vem sendo vendido rapidamente nos Estados Unidos, causando dificuldades à empresa para atender a demanda.

Analistas estimam que cerca de 1 milhão de aparelhos podem ter sido vendidos no primeiro final de semana de comercialização nos EUA, e muitos alertam que não está claro de que maneira problemas de suprimento podem afetar a disponibilidade depois que um terremoto e tsunami prejudicaram o setor tecnológico japonês.

O iPad 2, uma versão mais fina e mais rápida do tablet da Apple que incorpora duas câmeras para bate-papo em vídeo, foi lançado em 11 de março nos EUA. Alguns consumidores expressaram frustração diante da dificuldade de encontrar o produto, o que criou avaliações no mercado de que a Apple possa ter subestimado a demanda.

O lançamento internacional começou pela Nova Zelândia, seguida pela Austrália, e se estenderá a outros países entre os quais França, Reino Unido, Dinamarca, Alemanha, Itália, Holanda, Espanha, Canadá e México.

“Fantástico, minha irmã vai adorar”, disse Alex Lee, um mochileiro canadense que tinha em mãos um iPad 2. Ele ocupava o primeiro lugar da fila formada duas noites antes diante da loja da Apple no centro financeiro de Sydney.

“Não fosse o iPad, eu não estaria na Austrália hoje”, disse Lee, que já tinha comprado um iPad 2 nos EUA. “É como um hábito. Também entrei na fila para comprar o iPhone, na Regent Street, em Londres.”

O presidente-executivo da Apple, Steve Jobs, declarou na terça-feira que a empresa estava “trabalhando com dedicação para produzir iPads para todos”, numa reação aos problemas que vem sendo encontrados para atender a demanda norte-americana.

Fiona Martin, porta-voz da Apple na Austrália, se recusou a comentar sobre haver ou não estoque suficiente para atender a demanda, mas tentou acalmar os temores. “Temos um bom estoque aqui para o pessoal que está nas filas”, disse.

O primeiro iPad, que chegou ao mercado um ano atrás, vendeu 500 mil unidades na primeira semana e chegou à marca do milhão em 28 dias. Quase 15 milhões de iPads foram vendidos em nove meses, em 2010, duas ou três vezes mais que os analistas haviam previsto.

Analistas antecipam vendas de 30 milhões de unidades ou mais este ano, o que deve gerar um faturamento de 20 bilhões de dólares, mesmo diante dos aparelhos rivais lançados por outras empresas.

A equipe da Apple em Sydney distribuiu sanduíches para os compradores que esperavam na fila, e em Perth foram distribuídos água, sorvete e protetor solar, por conta de uma temperatura que deve chegar aos 36 graus.

Já em Helsinque, onde o iPad 2 deve começar a ser vendido em algumas horas, a neve e temperaturas de menos três graus pareciam estar dissuadindo os compradores de formar filas.

Myles Jihme, estudante da Malásia, aguardava diante da loja da Apple em Sydney e disse que pretendia comprar dois iPads, o máximo permitido pela Apple, e que leiloaria um deles para fins de caridade. “O dinheiro vai para um fundo de assistência ao Japão”, disse.

Na Ásia, o iPad 2 estará oficialmente disponível em Hong Kong, Coreia do Sul, Cingapura e outros países a partir de abril.

Fonte: www.grioti.com.br/blog

Grioti Livraria digital libera livro digital sobre HQ no dia nacional dos Quadrinhos

banner prestando homenagem ao dia nacional dos quadrinhos

Comemorando o dia nacional dos quadrinhos, 30 de janeiro, e os 8 anos de atividades da Oficina HQ,  a Grioti livros digitais em parceria com a Ação Cultural, brinda os interessados no assunto com um eBook (livro digital) promocional para download gratuito, possibilitando leitura em seu iPad, iPhone, iPod, Kindle, eBook reader, notebook, PC, enfim, qualquer suporte eletrônico capaz de ler um ePub. O livro digital se chama “Artigo e Entrevistas da Oficina HQ”.

Conteúdo do eBook gratuito “Artigo e Entrevistas da Oficina HQ”
Três profissionais de destaque na área das artes gráficas, se reúnem em entrevistas que abordam um vasto leque de assuntos relacionados a profissionalização das tentativas de se conseguir oportunidade, ao exercício, passando pela publicação, premiações e criação. Flávio Luiz é um quadrinista premiado, com diversas publicações, inclusive os elogiados AÚ e O Cabra ; Luis Augusto, artista que desevolveu diversos quadrinhos abordando o universo infantil e criador do Fala Menino; ambos, realizadores importantes com trabalhos de qualidade que os colocam em destaque no cenário nacional. A terceira entevista é de Wilton Bernardo, gestor da Oficina HQ, ação cultural que desenvolve exposição, mostras de filmes, oficinas particulares e ações sociais. Além das três entrevistas, você tem ainda um artigo sobre quadrinhos escrito por Wilton, e para fechar o conteúdo, duas tirinhas.
Vá até o Blog da Grioti livros digitais e faça o download agora mesmo. Depois é ler no seu iPad, iPod, iPhone, EBook reader (da Sony, Positivo, kindle), notebook ou PC.