TVE Bahia: Programa sobre cultura GEEK

Lua fazendo cosplay de Malévola ao lado do grafiteiro Diogo Galvão

Lua fazendo cosplay de Malévola ao lado do grafiteiro Diogo Galvão

O programa que vai ao ar dia 27 de novembro, às 21h na TVE (Bahia) foi uma grande homenagem a cultura GEEK! Quadrinhos, games, cosplay, banda cover, fã club! Foi Massa!
Segue fotos abaixo.

img-20161101-wa0044
GAMES, BANDA COVER
Há um núcleo na UNEB, Universidade do Estado da Bahia, que trabalha com desenvolvimento de games educativos. Um dos profissionais envolvidos é o artista, amigo das antigas, Danilo Dias. A banda cover dos Beatles foi responsável pela trilha sonora do programa. Aliás, trilha sonora de responsa! Muitas pessoas fazendo cosplay, inclusive minha amiga Lua de “Malévola”.

20161101_164214
STAR WARS, GRAFITE
O fã clube de STAR WARS da Bahia marcou presença, o grafiteiro Diogo Galvão que teve seu trabalho decorando o programa falou muito sobre o trabalho que vem desenvolvendo mundo a fora.

img-20161031-wa0052
OFICINA de QUADRINHOS, LIVRO com CARLINHOS BROWN e DONA DEDÉ
Eu, Wilton Bernardo, idealizador do projeto Oficina HQ fui convidado para falar do primeiro livro infantil do cantor Carlinhos Brown que eu ilustrei, de um personagem meu que aborda questões atuais como machismo, feminismo, preconceito – Dona Dedé que tem uma página no facebook mais curtida que a minha (rsrsrs) e das oficinas de Quadrinhos que tenho realizado em Salvador. Inclusive, a próxima será realizada na Faculdade Ruy Barbosa como curso de extensão, a partir do dia 12 de novembro.

# Wilton Bernardo
Designer gráfico e artista visual
Gestor do curso de Quadrinhos Oficina HQ e da marca Laço Afro
http://www.wiltonbernardo.com | wiltonbernardo@hotmail.com

banner-hq-ruy-barbosa-12-11-16

Anúncios

OFICINA DE DESENHO NA BIBLIOTECA MONTEIRO LOBATO

A Biblioteca Monteiro Lobato está fazendo aniversário neste mês de abril. Entre as diversas atividades que acontece durante o mês, acontecerá no dia 10 (quarta-feira, às 10h) a oficina de desenho com o artista visual Wilton Bernardo (o responsável pela Ação Cultural Oficina HQ).
“É uma grande honra estar participando de mais um aniversário deste centro de cultura vivo que é a Biblioteca Monteiro Lobato. É o terceiro ano que tenho a honra de ser convidado para a grande de programação de aniversário desta Biblioteca que dialoga com a comunidade o ano inteiro e incentiva o interesse pela leitura! Parabéns Biblioteca Monteiro Lobato!” agradece o artista Wilton Bernardo
Biblioteca-Monteiro_Lobato-Oficina_Desenho

:: Oficina HQ

Publicidade
BANNER_OFICINA_HQ_Abril_2013

Artista gráfico Wilton Bernardo e Museu Carlos Costa Pinto realizam oficina de Quadrinhos em Salvador

NOTICIAS_2a_oficinaHQ

A Ação Cultural Oficina HQ, coordenada por Wilton Bernardo, em parceria com o Museu Carlos Costa Pinto, abre inscrições para Oficina de Quadrinhos em Salvador-BA. A atividade acontece durante 10 encontros, aos sábados nas instalações do Museu.

Oficina de Quadrinhos
Serão abordadas as principais etapas de construção de uma narrativa gráfica como desenho, criação de personagem, roteiro e recursos narrativos, além do estímulo à produção autoral. No décimo ano da Ação Cultural Oficina HQ, o conteúdo da Oficina terá como novidade, a abordagem sobre direito autoral x prestação de serviço e a delicada tarefa do artista de “cobrar” um valor justo pelo seu trabalho.

Divididas em teoria e prática, as aulas terão ambientes diferentes. As práticas acontecerão em ambiente aberto; as teóricas, no auditório do Museu Carlos Costa Pinto, ministradas por Wilton Bernardo, a partir de 13 de abril.

As inscrições são realizadas pela Oficina HQ através do e-mail oficinahq@hotmail.com ou telefones (71) 3035-2133, (71) 8807-4331(Oi) e (71) 9305-9093 (Wilton Bernardo).

10 anos de atividades & Criação de estúdio
Desde 2003 a Oficina HQ promove e valoriza as artes gráficas em Salvador, através de eventos como oficinas, exposições e dialogando com diversas instituições e expressões artísticas como música e teatro.

Completando 10 anos de atividades em 2013, a Ação Cultural coordenada pelo artista gráfico Wilton Bernardo, celebra a data com mais uma novidade: o estúdio de artes gráficas no centro histórico da cidade.

“Após 10 anos estimulando a produção e profissionalização, vejo como um caminho natural, o estabelecimento de um espaço, o ESTÚDIO, a nova casa da Oficina HQ. Para o êxito dessa nova aposta, conto com toda a experiência que tive trabalhando como diretor de arte e ilustrador para agências de publicidade em Salvador” celebra Bernardo.

O idealizador da Oficina HQ traz no currículo além de passagem por agências, projetos autônomos como por exemplo livro infantil ilustrado para Carlinhos Brown(2012) e logomarca criada para a Farmácia da Universidade Federal da Bahia. Bernardo também trabalha na Rede Bahia desenvolvendo infográficos e ilustrações para o jornal CORREIO.

Museu Carlos Costa Pinto
Museu Carlos Costa Pinto
O Museu Carlos Costa Pinto, situado no tradicional corredor da Vitória, reúne no seu acervo de artes decorativas, dos séculos XVII ao início do XX, um verdadeiro testemunho dos valores artísticos e culturais da Bahia Colonial e Imperial. Voltado para uma permanente interação com a comunidade, o Museu, além da exposição do seu inestimável acervo, promove exposições temporárias, desenvolve intensa programação cultural e possui um atuante serviço educativo, realizando visitas orientadas e oficinas de arte para estudantes e grupos diversos.

RESUMO:
O que: Oficina de Quadrinhos (para adolescentes e adultos)
Quando: a partir de 13 de abril de 2013*
Local: Museu Carlos Costa Pinto, Corredor da Vitória, Salvador-BA
Horário: 15 às 17:30h, aos sábados
Investimento total: R$ 350 (valor total que pode ser dividido em até 3x)

Inscrições/ informações: (71) 3035-2133, (71)8807-4331(Oi), (71) 9305-9093 (TIM) Wilton Bernardo
Email: oficinahq@hotmail.com
site: http://www.oficinahq.com
* A turma será iniciada em 13 de abril ou quando fechar o número mínimo de inscrições.

CARTAZ-VIRTUAL1-QUADRINHOS-2013

::Ação Cultural Oficina HQ
www.oficinahq.com

Cena excluída de O Cavaleiro das Trevas Ressurge mostra origem de Bane

Em entrevista ao site GQ, Lindy Hemming, responsável pela criação dos figurinos dos personagens de Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge, acabou revelando detalhes de uma cena excluída do filme que mostrava a origem da roupa e da máscara utilizadas pelo vilão Bane.

Quando a entrevista foi feita, Hemming ainda não havia assistido à versão final do longa-metragem, e falou da cena em questão como se ela fizesse parte da edição definitiva. Ela acontece quando a origem de Bane é contada, perto do desfecho da história.

“Uma das coisas que se vê durante a sequência é Bane sendo ferido quando jovem. Assim, um detalhe fundamental do figurino dele é aquela cicatriz enorme causada pelo ferimento nas costas. Mesmo se ele não tivesse o colete à prova de balas, precisaria usar o cinto e suspensórios. Na cena da prisão, quando aprende a lutar da mesma maneira que o Batman aprendeu, Bane está usando uma versão daquele cinto para dar suporte, mas ainda não é a final. Ele também está usando uma primeira versão da máscara de gás”, descreveu.

Ao ser alertada pelo entrevistador, Stelios Phili, de que não se lembrava de ver isso no longa-metragem, a figurinista se mostrou confusa. “Que pena… acho que algumas coisas tiveram que ser cortadas. Não vou falar muito sobre essa parte, então, porque não está no filme, mas havia toda uma sequência que mostrava o motivo da máscara e como ela foi criada”, resumiu.

A única menção ao uso da máscara durante o filme é feita para explicar que ela é usada para Bane poder suportar a dor de seus ferimentos, mas sem mais detalhes, que, ao que parece, estavam no roteiro e chegaram a filmados.

Aparentemente, essa subtrama também serviria para fazer uma ligação entre o vilão e o ferimento que ele impôs ao Batman, assim como a jornada para a recuperação do herói mais tarde.

O provável motivo da cena não estar presente na projeção é o tempo total do filme, que acabou sendo de 164 minutos. Para não ficar ainda mais longo, alguns cortes foram necessários. Segundo relatos, antes do lançamento do longa-metragem as primeiras versões da montagem feita por Christopher Nolan tinham quase quatro horas de duração.

Resta saber se todas essas cenas farão parte dos extras no DVD e no Blu-ray.

Fonte: Universo HQ

Publicidade:
_______________________________________________________

Mostra sobre humor em preto e branco será exibida em Piracicaba

Este ano, durante o 39º Salão Internacional de Humor de Piracicaba, acontecerá a mostra Humor em Preto e Branco. Serão perto de 50 trabalhos – entre cartuns, charges, caricaturas e histórias em quadrinhos – produzidos a lápis ou nanquim, em exposição para rememorar fatos marcantes da história do Brasil. Boa parte deles reflete o descontentamento dos artistas com a censura vigente no País entre os anos de 1964 e 1985.

“O Salão de Humor surgiu no regime de recessão e a própria dureza do preto e branco, como expressão, se manifestava na exposição de metáforas do que acontecia na época. Somado a isso, havia a questão tecnológica e as limitações de se imprimir em colorido, sem a presença da computação gráfica, por exemplo”, diz Eduardo Grosso, presidente do CEDHU Piracicaba.

Dentre as obras expostas, estão as de nomes como Laerte, cujo cartum foi vencedor da primeira edição do evento, em 1974.

39º Salão Internacional de Humor de Piracicaba começa no dia 25 de agosto, com entrada gratuita, na sede do CEDHU Piracicaba (Centro Nacional de Humor Gráfico). O endereço é Av. Maurice Allain, 454 – Parque do Engenho Central.

Este ano, o Salão de Humor está com inscrições abertas até 20 de julho para o envio de obras, e vai distribuir 47 mil reais em prêmios. O regulamento está disponível no site oficial do evento. A seleção acontece nos dias 4 e 5 de agosto.

Fonte: Universo HQ