Documentário de Henrique Duarte explica a música afro

O documentário “Orin: música para os Orixás” está na Mostra Competitiva Baiana do XIV Panorama Internacional Coisa de Cinema pra contar um pouco sobre a nossa história de resistência musical nos terreiros de candomblé.

O diretor Henrique Duarte, no documentário, consegue valorizar a cultura afro-brasileira, ao mesmo tempo denunciar o preconceito que sempre esteve em torno dessas origens.

Se você não quer perder a oportunidade de assistir, aproveite:
Será exibido no dia 16 de novembro, às 21h, no Cine Glauber Rocha, Salvador-BA.

Confira o trailler abaixo:

* Wilton Bernardo ( http://www.wiltonbernardo) é o idealizadora da Ação Cultural Oficina HQ (@oficinahq)

Anúncios

Laço Afro na Casa Boqueirão

Feiras, exposições individuais, coletivas, stands em colégios, faculdade, lojas virtuais, os caminhos para o pequeno empreendedor que produz arte, artesanato, moda, são variados. Eu, Wilton Bernardo venho transitando em áreas variadas, mas que se correlacionam. Assim faço dessa transição a identidade dessa produção. Eu diria que é sim, no meu caso, ou melhor, no caso da minha marca Laço Afro. Desde 16 de dezembro de 2007 tenho assinado com essa marca a mistura de produtos que poderiam ser separadamente etiquetados de artesanato, outros de design e outros de moda. Isso sem falar nas ilustrações em grafite ou digitais que transitam em galerias de artes. Tudo isso, dentro de um contexto temático que valoriza e reflete a cultura afro-brasileira: LAÇO AFRO – mais que moda, celebração; mais que atitude afirmação.

LAÇO AFRO EM LOJA COLABORATIVA
Circulei e experimentei várias formas de divulgar e comercializar o meu trabalho, e a atual experimentação acontece dentro da loja colaborativa Casa Boqueirão. Faz tempo que venho namorando a idéia de uma loja colaborativa, desde a experiência que tive vivenciando a experiência de compartilhar a loja Espaço Ímpar com outros criativos.
Entre São Paulo e Salvador, conheci algumas lojas, e fui tentando encontrar alguma que houvesse identificação.Salvador, abraçou recentemente a idéia colaborativa e definitivamente isso é muito bom! Essa movimentação, parcerias tem um saldo super positivo. E é assim que a Laço Afro dá mais um passo vislumbrando divulgar, ser mais vista e acessível.
Desde o dia 8 de novembro de 2018, a marca que eu tanto amo e que faz cada vez mais sentido pra mim, se une a diversas outras marcas muito legais como Preta Brasil, Yosh, entre várias outras.

CASA BOQUEIRÃO
O artista visual Alfredo gama e a arquiteta Tânia Povoa, responsáveis pela loja colaborativa Casa Boqueirão são super receptivos e atenciosos. Isso faz a diferença em qualquer ambiente, não apenas para o consumidor. Assim, eu realmente me senti privilegiado fazer parte do grupo de pessoas super talentosas que ocupam cada espaço da Casa Boqueirão.

SERVIÇO
O QUÊ? A marca Laço Afro na loja colaborativa Casa Boqueirão
QUANDO? Desde 8/11/2018
FUNCIONAMENTO? Das 14 às 20h, de quarta a domingo
ENDEREÇO? Rua direita do Santo Antônio, 56, Boqueirão, CEP 40.301-280, Salvador-BA
INSTAGRAM? @lacoafro e @casaboqueirao

* Wilton Bernardo ( http://www.wiltonbernardo) é o criativo da Laço Afro
Instagram: @lacoafro e @wilton_bernardo
#moda #artesanato #arte #cultura #CulturaAfro #orixás #Iemanjá #Yemanjá #iansã #iansa #oxala #oxóssi #oxum #logumede #ogum #Oba #oxumare #Ossain #Oxaguian #xango #xangô

Novembro: Virada Nerd em várias cidades

Entre os dias 24 e 25 de novembro, o MIS – Museu da Imagem e do Som (Avenida Europa, 158, São Paulo/SP), instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, sedia a Virada Nerd, evento anual organizado pela editora e distribuidora Devir.

Serão mais de 30 horas de atividades para os fãs de cultura pop, incluindo painéis com editores e autores, aulas de desenho e roteiro e demonstração de jogos. A Virada tem início às 11h no sábado, dia 24 de novembro, seguindo sem parar até às 18h do domingo, dia 25 (o evento acontece, ainda, em outros 30 pontos de 23 cidades pelo país).

Em 2018, a Devir virá acompanhada das editoras JBC, Mino e Jambô, que terão estandes próprios no evento, além de painéis para conversar com o público. A partir da meia-noite, os madrugadores terão descontos exclusivos nas publicações.

Confira os destaques da programação:

– Stand-up com Fernando Caruso, com temática nerd;

– Exposição Rap em Quadrinhos, projeto concebido pelo ilustrador Wagner Loud e pelo Youtuber Load que une grandes nomes do rap nacional a ícones dos quadrinhos e pocket show;

– Acampamento Lumberjanes: a Devir e os Escoteiros do Brasil trazem uma experiência de acampamento inspirada na HQ Lumberjanes com atividades ligadas ao escotismo;

– Cinematographo: no domingo, o programa mensal do MIS exibirá o filme Sin City acompanhado por trilha sonora ao vivo com a banda Kastrup;

– Painel com a equipe responsável por O Doutrinador, filme de ação nacional, e um painel da Crunchyroll.

A programação completa está no site oficial do evento. Aproveitando a data, a Devir traz ao Brasil, pelo terceiro ano, o Dia do Quadrinho Grátis. Uma ação que tem como objetivo popularizar as histórias em quadrinhos em nosso país e incentivar a leitura. Os títulos escolhidos em 2018 são Lumberjanes e Deadly Class. Esses dois quadrinhos serão distribuídos gratuitamente no MIS e nas lojas participantes.

Fonte: Universo HQ
#HQ #Viradanerd #nerd Quadrinhos #comics #Arte #Nonaarte

OAB-BA promove seminário de Direito Intelectual

No dia 26 de setembro, no espaço Cultural Raul Chaves da Faculdade de Direito da UFBA, será realizado o seminário Duas Décadas das Leis de Direitos Intelectuais no Brasil. O evento acontecerá durante todo o dia e trará especialistas para debater questões voltadas para a propriedade intelectual e a Lei de Direitos Autorais Brasileira.

O seminário é realizado pela Comissão de Propriedade Intelectual da OAB-BA, que tomará posse no dia 26, e conta com o apoio da Escola Superior de Advocacia (ESA) Orlando Gomes. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas pela plataforma http://www.sympla.com.br.

Confira programação*:
9h – Posse da Comissão de Propriedade Intelectual da OAB-BA;

10h – Palestra: “A importância das Comissões de Propriedade Intelectual nas seccionais da OAB”, com o presidente Nacional da Comissão de Propriedade Intelectual da OAB, Dr. Ricardo Bacelar;

11h00 – Palestra: “O movimento em direção a uma proteção patentária da indústria farmacêutica; com a professora visitante do PPDG, Dra. Marta Gimenez Pereira;

14h – Apresentação musical do cantor e compositor Luiz Caldas;

14h30 – Palestra: “20 anos da Lei de Direitos Autorais Brasileira (Lei 9.610/98): histórico de sua tramitação, jurisprudência sedimentada e novos desafios na era digital, com o Desembargador do TJ/SP, Dr. José Carlos Costa Netto;

15h30 – Intervalo e lançamento de livros com sessão de autógrafos;

16h – Mesa redonda sobre música no ambiente digital: com artistas e advogados baianos (Manno Góes, Rodrigo Moraes, Ricardo Bacelar, Marcelo Timbó, Luiz Caldas, Gerônimo Santana, Alexandre Peixe, Eduardo Ferreira Gomes e Waltinho Queiroz);

17h – Encerramento com apresentações musicais dos participantes da Mesa Redonda.

*Programação sujeita a alteração

CANTORA NÊSSA LANÇA NOVO SINGLE EM SALVADOR

Destaque na nova cena pop da música soteropolitana, a cantora Nêssa lança novo single, com direito a videoclipe gravado na capital baiana. É a terceira música lançada pela artista, ainda nova no mercado, mas que preza pelo trabalho autoral e muita criatividade em suas obras.

Trazendo o nome de “Eu não ando só”, o clipe traz imagens de bairros de Salvador, mostrando o dia-dia do baiano que se divide entre sua rotina de trabalho convencional e a vida artística, tudo isso acompanhado por versos que reforçam a fé e a autoestima do jovem negro. Formando assim, uma excelente combinação regada a uma melodia dançante e gostosa de ouvir.

A música foi composta por Nêssa e conta com participação do grupo de rap Família Tríplice, de Lauro de Freitas. Na técnica, Marco Lima, Daiane Rosário e Edvaldo Jr, assinam produção musical, direção geral e roteiro e fotografia, respectivamente.

Designer por formação e cantora por vocação, Nêssa é nascida e criada em Salvador, iniciou sua carreira na musical em Janeiro de 2018 quando lançou “Só vem”, primeiro trabalho que deu visibilidade a artista, rendendo milhares de views no YouTube e em plataformas de streaming de músicas como Spotify e Deezer, logo em seguida veio “Hard”, canção que mistura o universo dos games com o clima de paquera.

Apesar de ser nova na cena pop baiana, o trabalho da cantora chamou atenção de diversos artistas locais, rendendo participações em shows pela capital e região metropolitana, além de um convite para gravação de uma música com a banda Attoxxa, dona da música do carnaval “Elas Gostam”. A faixa fará parte do próximo albúm do grupo.

Confira:

Baixe a música:
https://www.suamusica.com.br/eunaoandoso

SOM DE II na Varanda do SESI


#SOM DE II
Na noite de 13 de setembro de 2018, quinta-feira, às 21h30, a Varanda do Sesi Rio Vermelho recebe o projeto #Som De II, formado pela cantora e dançarina Taii e pelo músico multi instrumentista Cesário Leony. A dupla vem com uma proposta musical irreverente, onde baixo e voz dialogam harmonicamente, trazendo em seu repertório pérolas da MPB, como O Trem Azul (de Lô Borges, consagrada na voz de Elis Regina) e Pérola Negra (do negro gato Luiz Melodia). Mas, não para por aí. O violão também está presente e com ele, músico e cantora interpretam canções que vão do samba de Jorge Aragão à bossa de Tom Jobim, em uma parceria Hessel Produções, Siri Produções, Comida de Varanda e Teatro SESI Rio Vermelho /FIEB.
O couvert artístico custa R$ 25,00.
TAII – Cantora e bailarina, formada em Dança pela UFBA, Taii possui mais de dez anos de pesquisas corporais, na dança e na música. Começou a cantar ainda na faculdade e vem unindo desde então as duas linguagens em seus trabalhos artísticos. Desenvolveu ao longo desses anos, uma intimidade com seu corpo e sua expressão, vivenciando, no palco, o seu canto e a sua dança. Compreende que as duas linguagens se complementam, trazendo com isso, um diferencial em seu trabalho como intérprete criadora.
Em sua empreitada na música, já esteve em cartaz em projetos como “Meia Noite se Improvisa” e “Ménage à Trois” no Teatro Vila Velha, e estreou seu primeiro show solo chamado “Pra Falar Do Amor”, em 2013. Em 2015, levou para as ruas e praças de Salvador o Taii Busking, onde cantou com Alexandre Vargas, Alex Mesquita, Cicinho de Assis, Luizinho do Jêji e Paulinho Andrade, sempre acompanhada por Cesário Leony. Além de atuar como intérprete, Taii também compõe, sendo boa parte das canções do seu show de origem autoral.

CESÁRIO LEONY – Formado em Licenciatura na Escola de Música da UFBA, ganhou notoriedade nacional e mundial como baixista, arranjador e diretor musical de Daniela Mercury, parceria que dura mais de 25 anos, tendo participado de diversos festivais internacionais de significante importância, como Festival de Jazz em Montreaux, London Jazz Festival, Jazztel Music, Tübingen Festival, Rock in Rio, Imatra Big Band Festival, Maiz Stage, entre outros, além de ter participado de toda a discografia da artista. Participou também, de inúmeros projetos musicais ligados à música instrumental na Bahia, integrando grupos e acompanhando artistas como Jazz Carmo Quinteto, Raposa Velha, Paulinho Andrade e várias outras formações. Acompanhou grandes nomes da MPB em turnês pelo Brasil e exterior, como Luis Melodia, Zezé Mota, Gilberto Gil, Margarete Menezes, Ivete Sangalo, Vânia Abreu, Carla Visi, Luiz Caldas e Armandinho, além de produzir vários artistas independentes, desenvolvendo gravações e produções musicais em estúdio próprio – o Estúdio da Ladeira.
Cesário Leony já recebeu inúmeros prêmios como instrumentista e, em 2006, foi homenageado com o Troféu Dodô e Osmar de Melhor Baixista do Carnaval Baiano.

Serviço:
O quê: projeto ‘#Som De II’, com Taii & Cesário Leony
Quando: 13 de setembro de 2018, quinta-feira
Horário: às 21h30
Onde: Varanda do SESI Rio Vermelho
Endereço: Rua Borges dos Reis, 09 – Rio Vermelho, Salvador-BA
Couvert Artístico: R$ 25,00
Realização: Hessel Produções, Siri Produções, Comida de Varanda e Teatro SESI Rio Vermelho /FIEB.
Maiores Informações: Tel.: (71) 9.9160-9140

# Wilton Bernardo
Designer gráfico e artista visual
Gestor da Ação Cultural Oficina HQ e da marca Laço Afro
Portfolio: http://www.wiltonbernardo.com | Email: wiltonbernardo@hotmail.com

Oficina de Quadrinhos no Horto Florestal


Oficina de Quadrinhos no Horto Florestal

Terminam na próxima sexta-feira, dia 27, as inscrições para a oficina de quadrinhos que acontece a partir do dia 28 e segue até setembro, sempre aos sábados, no Estúdio Foto e Design, localizado no Horto Florestal (Salvador-BA). As aulas, voltadas para estudantes a partir de 14 anos, jornalistas, publicitários, designers e educadores, serão realizadas sempre das 9:30h às 11:30h, sob o comando do artista visual Wilton Bernardo.
Nos encontros os participantes aprenderão a criar personagens, roteiro, desenho e outras etapas de construção de uma HQ. O objetivo do curso é movimentar a cena das artes gráficas em Salvador dando alternativas para quem gosta e deseja se aprimorar na área.
Para mais informações e inscrições é necessário entrar em contato através do telefone (71)99305-9093 (WhatsApp) ou do e-mail oficinahq@hotmail.com. As vagas são limitadas.

# Wilton Bernardo
Designer gráfico e artista visual
Gestor da Ação Cultural Oficina HQ e da marca Laço Afro
Portfolio: http://www.wiltonbernardo.com | Email: wiltonbernardo@hotmail.com

Projetos Socioculturais em site de Campanha Colaborativa


Faltam 3 dias para terminar a campanha do Ilê Axé Inginoquê Omorossí no site de arrecadação colaborativa.

O Ilê Axé Inginoquê Omorossí tem realizado uma série de Ações que beneficial a Salvador, principalmente a comunidade de Castelo Branco onde o Terreiro está localizado.
Muitos projetos já estão acontecendo como Jornada Empreendedora, Cursos profissionalizantes ( Curso de Auxiliar de Arquivo é um deles que já formou 2 turmas), Cine Ilê, distribuição de Cestas Básicas. Outros projetos já estão programados para o mês de outubro e existem alguns que precisam de um pouco mais de investimento e consequentemente, colaboração para acontecer. Por isso o Terreiro está com uma campanha no site de campanhas colaborativas Kickante.
Faltam apenas 3 dias para a campanha terminar.
É possível colaborar com valores a partir de R$10 basta acessar: https://www.kickante.com.br/campanhas/sustentabilidade-no-ile.
A campanha que já se encontra em seus últimos dias é muito importante para possibilitar que outras realizações que foram pensadas com o único intuito de beneficiar a comunidade, aconteça.
O Ilê Axé Inginoquê Omorossí é um terreiro de Candomblé da nação Keto que foi fundado em 1992 pelo Babalorixá Edvaldo Sampaio Jones, líder espiritual do terreiro que tem a regência de Obaluaê.

:: Wilton Bernardo é artista visual e designer gráfico;
criador da marca Laço Afro (@lacoafro) e da Ação Cultural Oficina HQ

Dica especial sobre Roteiro

As etapas de construção de uma História em Quadrinhos são várias. A DICA desta vez será sobre uma etapa super importante e não é desenho! Pois é…. quando falo da Oficina de Quadrinhos um monte de gente pensa logo que só vai desenhar. Mas vamos admitir que para fazer uma história em quadrinhos é necessário um monte de outras coisas, além de desenhar?
Acho super importante o entendimento e compreensão sobre diferenças entre roteiro e história por exemplo. Esse assunto será super abordado e detalhado na Oficina de Quadrinhos que ministrarei a partir do dia 28/07/18 no Horto Florestal(Salvador-BA). Mas se você por algum motivo não poderá participar, divido contigo agora uma explicação sobre esse assunto:

Vamos lá! DUAS DICAS:

PRIMEIRO: Roteiro não é história. Você precisa ter uma história para em seguida roteirizá-la. Para ilustrar isso, pense o seguinte: Uma editora contrata você e um outro profissional – um de vocês vai desenvolver o roteiro da HQ e o outro vai desenhar. Mas o objetivo é desenvolver uma narrativa da obra de Jorge Amado “Gabriela Cravo e Canela”. Então, a história já existe. O que um de vocês fará é desenvolvido o processo de roteirização.

SEGUNDO: Se a história não existisse, então, o argumentista (como argumento, nesse caso, você deve entender “história”. Não estou me referindo a argumento no cinema) vai desenvolver antes de tudo o Story line. E o que é story line? Story line é um resumo da história em aproximadamente 5 linhas.
Aguarde a próxima dica. Abraço!

Se você tem interesse em obter mais informações sobre a Oficina de Quadrinhos, entre em contato pelo email: oficinahq@hotmail.com

# Wilton Bernardo
Designer gráfico e artista visual
Gestor do curso de Quadrinhos Oficina HQ e da marca Laço Afro
Portfolio: http://www.wiltonbernardo.com | Email: wiltonbernardo@hotmail.com

Dica especial: Desenho


Qual o seu processo de construção de um desenho? Já parou pra analisar isso?

Eu observo que a maioria das pessoas quando vão começar a fazer um desenho, elas simplesmente começam a desenhar os detalhes. Se pretendem desenhar uma pessoa, iniciam normalmente pela cabeça e começam a fazer os detalhes: contorno de cabeça, olhos, boca, sobrancelhas, cabelos, e vão descendo, completando o corpo.
Não é todo mundo, mas muitas dessas pessoas, quando iniciam o desenho pela cabeça, não sabem onde vai finalizar o pé. As vezes passam o limite do papel, não é? Calma! isso acontece com um mooonte de gente e se você se ligar nesta dica, não vai mais acontecer!

Sabe como se chama a causa e a solução disso? PLANEJAMENTO
Quem comete esse erro normalmente não percebe que pode desenvolver o desenho por etapas e antes de começar a finalizar o desenho, pode fazer um planejamento. Pode chamar de esboço também.
Se ficar apagando um desenho pra corrigir várias vezes já é arriscado, podendo lhe fazer perder o trabalho e o tempo, imagine como pode ser arriscado você fazer uma página de quadrinhos sem planejamento!?

Não se engane se pensa que os “feras” que trabalham para Marvel, DC Comics não fazem planejamento e pesquisa de referências, para fazerem desenhos o mais convincente possível.
Pois então, experimente planejar seu desenho, estabelecendo os limites nas 4 direções, reflita e planeje a posição que quer desenhar.

A GRANDE SACADA:
– Use formas geométricas para delimitações mais gerais.
– Faça as formas maiores, os traços mais gerais.
– Quando estiver satisfeito com as formas e configurações gerais, você passa para a etapa de fazer os detalhes.
– Você, inclusive, pode fazer os detalhes na mesma folha ou em outra folha com o auxílio de papel vegetal ou de uma mesa de luz, por exemplo.

Vamos tentar?
Esta é uma das primeiras dicas e exercícios que faço com os alunos quando iniciamos a Oficina de Desenho e também a Oficina de Quadrinhos.

Com certeza, você já pode começar!
E se quiser, mostra pra a gente seu desenho!
Se estiver em Salvador-BA e quiser participar da Oficina de Quadrinhos que abordará todas as etapas de construção de uma HQ, fala conosco! As aulas iniciam em 28 de julho, no Estúdio Foto e Design, no Horto Florestal! Se desejar maiores informações, contate-nos: oficinahq@hotmail.com!

# Wilton Bernardo
Designer gráfico e artista visual
Gestor do curso de Quadrinhos Oficina HQ e da marca Laço Afro
http://www.wiltonbernardo.com | wiltonbernardo@hotmail.com